MATTHIEU RICARD

Matthieu Ricard é um monge budista que largou uma promissora carreira em genética celular na França para estudar o budismo no Himalaia há 40 anos. Sendo um cientista diplomado e monge budista, ele está singularmente posicionado na comunicação entre Oriente e Ocidente. É um integrante ativo na pesquisa científica atual sobre os efeitos da meditação no cérebro.Matthieu Ricard doa toda a renda de seu trabalho aos projetos humanitários de Karuna - Shechen, uma organização que ele fundou. Os projetos de Karuna – Shechen proporcionam assistência médica, educação, serviços sociais e preservação cultural para as populações pouco assistidas da Índia, Nepal e Tibet. Foi fundada em 2000 por Matthieu Ricard com o ideal de compaixão (karuna) posta em ação.

Fotos

Este filme é um retrato autêntico de Dilgo Khyentse Rinpoche, um dos grandes mestres contemporâneos do Tibete, considerado o "Mestre dos Mestres" entre as quatro escolas do budismo tibetano. Reconhecido como um grande praticante, guru, poeta, estudioso e como um dos principais professores do Dalai Lama, o Nyingma Lama Dilgo Khyentse Rinpochefaleceu em 1991. Dez anos de espera, este filme começou em 1989, quando o tradutor Matthieu Ricard e Vivian Kurz começaram a gravar extensas imagens e narrações de seu professor. Filmado em Kham, local no leste do Tibete raramente registrado, como também no Nepal, Butão, Índia e França, o filme traz a rica e intrincada tessitura do budismo tibetano e é um testemunho da força, sabedoria e profundidade dessa cultura. Narração de Richard Gere com música de Philip Glass.